… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

19 de janeiro



C. H. Spurgeon

Leituras Vespertinas

19 de janeiro

“Então, abriu-lhes o entendimento para compreenderem as Escrituras.” (Lc 24:45, ARC, Pt)

JESUS, a quem ontem à noite vimos abrir as Escrituras, vemo-Lo aqui abrindo o entendimento. Na primeira obra Ele tem muitos colaboradores, mas na segunda Ele permanece sozinho; muitos podem levar as Escrituras à mente, mas só Deus pode preparar a mente para receber as Escrituras. Nosso Senhor Jesus difere de todos os outros mestres; estes chegam ao ouvido, mas Ele instrui o coração. Eles tratam com a letra exterior, mas Ele comunica um gosto interior pela verdade, pelo que percebemos o seu sabor e o seu espírito. O mais ignorante dos homens chega a ser um perfeito erudito na escola da graça, quando o Senhor Jesus, pelo Seu Santo Espírito, lhe revela os mistérios do Reino e lhe concede a divina unção, pela qual o capacita a contemplar o invisível. Felizes somos nós se os nossos entendimentos têm sido abertos e fortalecidos pelo Mestre! Quantos homens de profunda erudição ignoram as coisas eternas! Conhecem, da revelação, a letra que mata, mas não podem discernir o seu espírito que vivifica. Têm um véu sobre os seus corações que os olhos da razão carnal não podem penetrar. Tal era o nosso caso a algum tempo atrás. Nós, que agora vemos, fomos noutros tempos inteiramente cegos. A verdade era, para nós, como a beleza na escuridão, uma coisa despercebida e abandonada. Se não tivesse sido pelo amor de Jesus, teríamos permanecido na sua perfeita ignorância até este momento; porquanto, sem a abertura misericordiosa do nosso entendimento feita por Ele, nós não teríamos alcançado mais o conhecimento espiritual, assim como um menino não pode por si só escalar as Pirâmides, ou uma avestruz voar até às estrelas. A escola de Jesus é a única em que a verdade de Deus pode ser realmente aprendida. Outras escolas podem ensinar-nos o que deve ser crido, mas só a escola de Cristo nos pode ensinar como crer na verdade. Sentemo-nos aos pés de Jesus, e com ardente rogo imploremos a Sua bendita ajuda, para que a nossa tapada sabedoria possa ser esclarecida e os nossos débeis entendimentos aceitem as coisas celestiais.

Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: