… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sábado, 21 de janeiro de 2017

21 de janeiro



Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras de
C. H. Spurgeon

21 de janeiro AMEMO-NOS UNS AOS OUTROS

“Amados, se Deus assim nos amou, também nos devemos amar uns aos outros. Ninguém jamais viu a Deus; se nos amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.” (1Jo 4:11-12, ARC, Pt)


Cristão, pelo amor que Deus te manifestou, estás obrigado a amar os teus companheiros Cristãos. Tu deves amá-los apesar de eles terem muitas debilidades. Tu mesmo tens algumas; e se não podes amar a alguém, porque ele tem um temperamento ríspido, talvez ele responda que ele não te pode amar porque tu tem um espírito apático. Jesus amou-te com todas as tuas fraquezas, então ama os teus irmãos débeis. Tu diz-me que não podes amar porque foste ofendido por tal irmão; mas tu também ofendeste Cristo! O quê? Porventura deve-te Cristo perdoar todas as tuas ofensas inumeráveis, e tu não perdoas ao teu irmão? No fim de contas, o que se passou?” “Bem, ele não me tratou respeitosamente” Ah, é isso, um pobre verme quer ser tratado respeitosamente!” “Mas ele falou depreciativamente de mim; E há uma irmã aqui, ela pode ser uma mulher Cristã, mas ela disse uma coisa muito grosseira de mim “ Bom, sim, e o que importa? Quando as pessoas têm falado mal de mim e foram muito, muito falsos ao fazê-lo, eu tenho pensado muitas vezes que, talvez, se me tivessem conhecido melhor, elas poderiam ter encontrado algo verdadeiro que dizer, e, portanto, eu devo ser como às vezes dizemos de um menino quando ele é espancado sem que o mereça: “Bem, ele merecia-o, se não agora, então alguma ou outra vez, por alguma outra coisa.” Mais que zangar-te, sorri ante a ofensa. Quem somos nós, para que esperaremos que todos nos honrem quando ninguém honrou o nosso Senhor? Oh, que estejamos imediatamente prontos para perdoar até setenta vezes sete.

A Bíblia, do princípio ao fim, num ano: Gn 25-28

Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: