… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

domingo, 1 de janeiro de 2017

1 de janeiro


C. H. Spurgeon

Livro de Cheques do Banco da Fé

1 de janeiro

“E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.” (Gn 3:15, ARC, Pt)

Esta é a primeira promessa dada ao homem caído. Ela contém o Evangelho completo e a essência do Pacto da Graça. Tem sido cumprida numa grande medida. O nosso SENHOR Jesus, a semente da mulher, foi ferido no Seu calcanhar, e que terrível foi a Sua ferida. Mas, quão terrível será a ferida final na cabeça da serpente! Isto foi feito virtualmente quando Jesus tirou o pecado, venceu a morte, e quebrantou o poder de Satanás; mas espera um cumprimento ainda mais pleno no Segundo Advento do SENHOR e no Dia do Juízo.

Para nós, a promessa está de pé como uma profecia de que temos de ser afligidos pelos poderes do mal na nossa natureza corrompida, e assim seremos feridos no nosso calcanhar; porém, triunfaremos em Cristo, que põe o Seu pé sobre a cabeça da antiga Serpente. Durante todo este ano teremos talvez de aprender a primeira parte desta promessa pela experiência, através das tentações do Diabo e da descortesia dos ímpios, que são a sua semente. Estes poderão ferir-nos, provavelmente, de tal maneira que cheguemos a coxear por causa do nosso calcanhar dorido; mas agarremo-nos firmemente à segunda parte do versículo, e então não descorçoaremos. Regozijemo-nos por meio da fé porque ainda haveremos de reinar em Cristo Jesus, a Semente da mulher.
                                                       
Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: