… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

17 de fevereiro

Oswald Chambers
My Utmost for His Highest
17 de fevereiro TOMANDO A INICIATIVA CONTRA A DEPRESSÃO
Levanta-te, come” (1Rs 19:5, ARC, Pt)

Nesta passagem o anjo não deu a Elias uma visão, nem lhe explicou as Escrituras, nem realizou um ato extraordinário. Simplesmente disse a Elias que fizesse algo que é muito habitual: levantar-se e comer. Se nós nunca nos sentíssemos deprimidos, não estaríamos vivos; somente os objetos inanimados nunca se deprimem. Os seres humanos são suscetíveis à depressão, pois, do contrário, tampouco possuiríamos a capacidade para a felicidade e para a exaltação. Há circunstâncias na vida que estão projetadas para nos deprimir, por exemplo, as que se encontram associadas com a morte. Sempre que te examines a ti mesmo tem sempre em conta a tua capacidade para te deprimires.



Quando o Espírito de Deus vem a nós, Ele não nos dá visões gloriosas mas ordena-nos que façamos as tarefas mais comuns que possamos imaginar. A depressão tende a afastar-nos das coisas vulgares da criação de Deus. Mas, sempre que Deus intervém, a Sua inspiração é que realizemos as coisas mais naturais e mais simples, coisas que nós nunca teríamos associado a Deus, mas, assim que as fazemos, ali O encontramos a Ele. A inspiração que nos chega desta maneira é uma iniciativa contra a depressão, mas nós temos de dar o primeiro passo e dá-lo sob a inspiração de Deus. Se, de qualquer maneira, fazemos algo por nossa conta simplesmente para superar a nossa depressão, só vamos aprofundá-la. Mas quando o Espírito de Deus nos conduz instintivamente para fazermos algo e o fazemos, nesse momento a depressão desaparece. Logo que nos levantamos e obedecemos, entramos num nível de vida superior.




Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: