… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sábado, 25 de março de 2017

25 de março


Oswald Chambers
My Utmost for His Highest
25 de março MANTENDO A RELAÇÃO CORRETA

“...O amigo do esposo...” (Jo 3:29, ARC, Pt)

A bondade e a pureza nunca deveriam chamar a atenção para si mesmas, mas deveriam ser simplesmente ímanes atraindo pessoas para Jesus Cristo. Se a minha santidade não está atraindo outras pessoas para Ele, não é o tipo certo de santidade, é apenas uma influência que desperta emoções indevidas e maus desejos nas pessoas e as desvia de irem na direcção certa. Uma pessoa que é um santo gracioso pode ser um obstáculo em levar as pessoas ao Senhor, apresentando apenas o que Cristo fez por ela, em vez de apresentar o próprio Jesus Cristo. Noutros deixará esta impressão: “Que grande pessoa é este homem!” Isso não é ser um verdadeiro “amigo do esposo”, porquanto assim sou eu que estou crescendo durante todo o tempo; e não Ele.



Para manter esta amizade e fidelidade pelo Esposo, temos de ter mais cuidado para ter a relação moral e vital por Ele acima de qualquer outra coisa, incluindo a obediência. Por vezes não há nada a que obedecer e a nossa única tarefa é manter uma comunhão vital com Jesus Cristo, cuidando que nada interfira com ela. Apenas ocasionalmente é uma questão de obediência. Nos momentos em que surge uma crise, temos de descobrir qual é a vontade de Deus. Não obstante, a maior parte da nossa vida não é gasta na tentativa de sermos conscientemente obedientes, mas em manter esta relação o de sermos “amigo do esposo”. O serviço cristão pode realmente ser um meio de desviar o foco de uma pessoa para longe de Jesus Cristo. Em vez de sermos amigos “do esposo”, podemos tornar-nos em providências amadoras de Deus para alguém, trabalhando contra Ele, enquanto usamos as Suas armas.

 Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: