… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

quinta-feira, 30 de março de 2017

30 de março



C. H. Spurgeon
Livro de Cheques do Banco da Fé

30 de março

“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus.” (Fl 4:6-7, ARC, Pt)

Nenhum afã (temos de ter), apenas muita oração. Nenhuma ansiedade (temos de ter), mas muita comunhão rejubilante com Deus. Leva as tuas ânsias ao SENHOR da tua vida, ao guardião da tua alma. Chega-te a Ele com duas porções de oração, e uma porção de louvor fragrante. Não ores de modo duvidoso, mas agradecidamente. Considera que já as tuas petições estão respondidas, e portanto, agradece a Deus pela Sua graça. Ele está dando-te favores; dá-Lhe tu graças. Não escondas nada. Não permitas que nenhuma ânsia permaneça no teu peito e te amargure. "Torna conhecidos as tuas petições." Não corras ao homem. Vai somente ao teu Deus, o Pai de Jesus, que nEle te ama.



Isto te trará a própria paz de Deus. Tu jamais poderás compreender a paz que tu desfrutarás. Ela envolver-te-á no seu abraço infinito. O coração e a mente, por intermédio de Cristo Jesus, estarão submersos num mar de repouso. Venha vida ou morte, pobreza, dor ou calúnia, tu morarás em Jesus, por cima de todo o vento perturbador ou nuvem sombria. Tu não obedecerás a este amável mandamento?



Sim, SENHOR, eu na verdade creio em Ti; porém, suplico-Te que ajudes a minha incredulidade.


Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: