… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sábado, 22 de abril de 2017

22 de abril

Oswald Chambers

My Utmost for His Highest
22 de abril A LUZ QUE NUNCA SE APAGA

“Todos nós, com cara descoberta, refletindo ... a glória do Senhor... (2Co 3:18, ARC, Pt)

Um servo de Deus deve ficar de tal maneira só que nunca faça ideia de que está sozinho. Nas etapas iniciais da vida Cristã, os desapontamentos virão— pessoas que costumavam ser luzes apagam-se, e aqueles que costumavam ficar connosco afastam-se. Temos de atingir acostumar-nos a isso, de tal modo que nem sequer perceberemos que estamos sozinhos. Paulo disse: “... Ninguém me assistiu, antes, todos me desampararam… Mas o Senhor assistiu-me e fortaleceu-me “ (2Tm 4:16-17, ARC, Pt)



Temos de edificar a nossa fé, não sobre luz efémera, mas sobre a Luz que nunca se apaga. Quando as personalidades “importantes” partem ficamos tristes, até que compreendemos que elas estão destinadas a partir, de modo que apenas uma coisa é deixada ficar para nós fazermos olhar para o rosto de Deus por nós mesmos.



Não permitas que nada te impeça de olhar com forte determinação para o rosto de Deus em relação a ti mesmo e à tua doutrina. E de todas as vezes que pregues certifica-te primeiramente de olhares para Deus na face acerca da mensagem, e depois a glória permanecerá através de tudo isso. Um servo Cristão é alguém que olha continuamente para o rosto de Deus e, em seguida, sai para falar com outras pessoas. O ministério de Cristo é caracterizado por uma glória permanente da qual o servo é totalmente inconsciente— “... Moisés não sabia que a pele do seu rosto resplandecia, depois que falara com ele” (Ex 34:29, ARC, Pt).



Nós nunca somos chamados para exibir as nossas dúvidas publicamente ou para expressar as alegrias e os deleites ocultos da nossa vida com Deus. O segredo da vida do servo é que ele permanece em sintonia com Deus durante todo o tempo.



Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: