… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sábado, 13 de maio de 2017

13 de maio

Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras de
C. H. Spurgeon
13 de maio REMÉDIOS

“E ele [Jesus] lhes disse: Sem dúvida me direis este provérbio: Médico, cura-te a ti mesmo.” (Lc 4:23, ARC, Pt)

Viaja tão rápido como possas por uma direção errada e não chegarás ao lugar que buscas. Vãs são todas as coisas fora de Jesus, nosso Senhor.


Visitaste o doutor Cerimónia? Ele é, neste momento, o doutor da moda. Disse-te que deves cuidar de formas e regras? Receitou-te tantas orações e tantos cultos? Ah! Muitos vão a ele e perseveram num ciclo de cerimónias religiosas porém, estas não trazem alívio duradouro à consciência. Tentaste com o doutor Moralidade? Ele tem uma ampla clientela e é um bom e velho médico judeu. “Sê bom no caráter exterior”, diz ele, “e isto trabalhará no interior e limpará o coração”. Se supões que ele e o seu assistente, o doutor Educação –o qual é quase tão inteligente como seu professor– tenham curado a muitas pessoas, mas eu tenho uma boa evidência de que nenhum dos dois, nem juntos nem separados, poderiam tratar alguma vez com uma enfermidade interior. Faças o que faças, os teus próprios esforços não deterão a ferida de um coração sangrento. O doutor Mortificação também tem uma clientela seleta, porém os homens não se salvam negando-se a si mesmos, até que antes neguem a sua própria justiça. O doutor Emoção tem muitos pacientes, porém as suas curas rara vez sobrevivem ao pôr-do-sol. Os espíritos ternos buscam muito ao doutor Sentimento, estes tratam de sentir pena e remorso, mas, de facto, a maneira de ser curado não está nesse distrito. Faça-se tudo o que se possa fazer fora do nosso bendito Senhor Jesus Cristo e a alma doente não melhorará em nada. Podes provar remédios humanos durante toda uma vida porém o pecado continuará tendo o poder, a culpa continuará aferrada à consciência e o coração permanecerá tão duro como sempre.



A Bíblia, do princípio ao fim, num ano: 2Co 11-13


 Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: