… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

sexta-feira, 19 de maio de 2017

19 de maio

Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras de
C. H. Spurgeon


19 de maio NÃO POR OBRAS

Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus; Não vem das obras, para que ninguém se glorie; Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus, para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.” (Ef 2:8-10, ARC, Pt)

Temos necessidade de continuar repudiando esta velha mentira de Satanás de que os homens se salvam pelas suas obras. Essas folhas de figueira que Adão coseu para cobrir a sua nudez ainda estão a favor dos seus descendentes. Não tomam o manto da justiça de Cristo mas, sim, pelo contrário, preferem salvar-se a si mesmos. Uma ou duas palavras para ti, meu amigo. Dizes que irás para o Céu por guardares a lei? Ah, hás escutado o velho refrão de fechar o estábulo quando o cavalo não está lá, receio que isto se aplicaria muito bem a ti também! Assim, agora, vais deixar fechado o estábulo e estás seguro de que o cavalo jamais sairá de lá? Se, amavelmente, vais lá e olhas, descobrirás que ele se foi! Mas, como podes guardar uma lei que já se quebrantou? Se vais ser salvo, a lei de Deus é como um vaso de puro alabastro que deve ser apresentado a Deus sem gretas nem manchas. Não te dás conta de que já tens quebrado o vaso? Olha, ali há uma greta. “Ah!”, dizes tu, “isso foi há muito tempo.” Sim, eu sei, mas é uma greta; e aí mesmo está a marca negra do teu dedo polegar. Homem, o copo já está quebrado e não podes ir para o Céu mediante as tuas boas obras quando não tens nenhuma.

A Bíblia, do princípio ao fim, num ano: 1Sm 1-4

 Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: