… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

terça-feira, 13 de junho de 2017

13 de junho


C. H. Spurgeon
Livro de Cheques do Banco da Fé
13 de junho


“Eu, o SENHOR, a guardo, e a cada momento a regarei; para que ninguém lhe faça dano, de noite e de dia a guardarei” (Is 27:3, ARC, Pt)

Quando o SENHOR mesmo fala na Sua própria pessoa, em vez de o fazer através de um profeta, a palavra tem um peso peculiar para as mentes dos crentes. É o SENHOR mesmo aquele que guarda a Sua própria vinha; Ele não a confia a algum outro, mas Ele próprio lhe dá a Sua atenção pessoal. Não estão bem guardados aqueles a quem Deus, Ele em Pessoa, guarda?

Temos de receber regas de graça, não apenas a cada dia e a cada hora, mas a “cada momento”. Como temos de crescer! Quão viçosa e frutífera há-de ser cada planta! Que ricos cachos hão-de produzir as vinhas!

Mas os perturbadores aproximam-se: as raposas pequenas e o javali. Portanto, o próprio SENHOR é o nosso Guardião, e isso a todas as horas, tanto “de noite como de dia”. O que, então, pode causar-nos dano? Por que estamos temerosos? Ele cuida, Ele rega, Ele guarda; que mais precisamos?

Duas vezes neste versículo o SENHOR diz: “Eu farei.[1]“ Que verdade, que poder, que amor, que imutabilidade encontramos no grande “Eu farei” de Jeová! Quem pode resistir à Sua vontade? Se Ele diz: “Eu farei” que espaço há para a dúvida? Com um “Eu farei” de Deus, podemos enfrentar todas as hostes do pecado, da morte e do inferno. Oh, SENHOR, porquanto Tu dizes, “Eu guardar-te-ei”, eu replico: “Eu louvar-Te-ei!”


[1] "I will" "I the LORD do keep it; I will water it every moment: Lest any hurt it, I will keep it night and day" (Is 27:3 KJV)

Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: