… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

terça-feira, 27 de junho de 2017

27 de junho

C. H. Spurgeon
Leituras Vespertinas
27 de junho

“Cada um fique na vocação em que foi chamado.” (1Co 7:20, ARC, Pt)


ALGUMAS pessoas têm a ideia néscia de que a única maneira de viver para Deus é sendo pastores, missionários ou professores de classes bíblicas. Ai! Quantos estariam excluídos de alguma oportunidade de louvar ao Altíssimo se isto fosse verdade. Amado, não é o cargo, é a diligência; não é a posição, é a graça o que nos capacitará para glorificarmos Deus. Deus é, sem dúvida, muito glorificado na tripeça do sapateiro, onde o operário piedoso, enquanto dirige a sovela, canta do amor do Salvador; sim, é muito mais glorificado do que em muitos templos, onde uma religiosidade oficial cumpre os seus míseros deveres. O nome do Jesus é glorificado pelo carroceiro indouto, enquanto guia o seu cavalo. Ele bendiz ao seu Deus ou fala no caminho aos seus companheiros tanto como o faz o conhecido pregador que, através do país, à semelhança de Boanerges, faz trovejar o Evangelho. Deus é glorificado quando O servimos na nossa própria vocação. Tem cuidado, querido leitor, de não esqueceres a senda do dever, abandonando a tua ocupação, e tem cuidado de não desonrares a tua profissão enquanto a exerces. Pensa pouco em ti mesmo, mas não penses demasiado pouco na tua chamada. Todo o negócio legítimo pode ser santificado pelo Evangelho para os fins mais nobres. Volta para a Bíblia e acharás as formas mais vulgares de trabalho relacionadas com os factos mais arriscados ou com pessoas cujas vistas foram insignes pela santidade. Por essa razão, não estejas descontente com a tua vocação. Seja qual for a posição ou a obra em que Deus te colocou, permanece nela, a não ser que estejas muito seguro de que Ele te chama para outra coisa. Que a tua primeira preocupação seja glorificar a Deus até ao máximo no lugar onde estás. Ocupa-te em louvá-Lo na tua presente esfera de ação, e se Ele te necessita noutro lugar Ele te fará saber isso. Deixa de lado hoje à noite toda a ambição irritante, e conforma-te com o que tens.

Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: