… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

quarta-feira, 7 de junho de 2017

7 de junho


Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras de
C. H. Spurgeon

7 de junho UM MILAGRE DA GRAÇA

“Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores, herdarão o reino de Deus. E é o que alguns têm sido; mas haveis sido lavados, mas haveis sido santificados, mas haveis sido justificados, em nome do Senhor Jesus, e pelo Espírito do nosso Deus.” (1Co 6:9-11, ARC, Pt)

Vedes a esse homem que antigamente tinha o hábito de entrar e sair das tabernas? O seu falar naqueles tempos era sujo, imundo, abominável; a sua pobre esposa estava arroxeada e era espancada devido à sua crueldade; os seus filhos morriam de fome e não tinham sapatos. Agora, ele está connosco nesta casa de oração e é membro do corpo místico de Cristo. Se fôssemos pedir-lhe que se pusesse de pé e nos contasse da grande mudança que se produziu nele, todos nos regozijaríamos ao ouvi-lo testemunhar que o Senhor o perdoou, o lavou, o limpou-o e lhe renovou o seu coração. Pensou esse homem alguma vez no seu estado não regenerado que a vida de Cristo estaria nele despertando o seu corpo mortal e cambiando toda a sua natureza? Algo assim nunca lhe ocorreu. Acaso não é ele um milagre da graça? Pois eu creio certamente que se o diabo se convertesse e se convertesse outra vez num anjo santo, não seria mais maravilhoso do que a conversão de alguns que estão aqui presentes. O Senhor tem feito por eles coisas estranhas, coisas maravilhosas, das quais se alegra o nosso coração ao pensar no que Ele tem feito.




A Bíblia, do princípio ao fim, num ano: 1Rs 1-4


 Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: