… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

domingo, 30 de julho de 2017

30 de julho

Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras de
C. H. Spurgeon

30 de julho  PERIGO

“Pois eu assim corro, não como a coisa incerta; assim combato, não como batendo no ar; antes, subjugo o meu corpo e o reduzo à servidão, para que, pregando aos outros, eu mesmo não venha, de alguma maneira, a ficar reprovado.” (1Co 9:26-27, ARC, Pt)


Sinto que é minha responsabilidade ir, domingo após domingo, e todos os dias da semana dizer-te coisas muito preciosas acerca de Cristo, e, às vezes, eu mesmo as desfruto. Inclusive se ninguém mais é abençoado por elas, eu o sou, e vou para casa e louvo ao Senhor por isso. Porém, o meu temor diário é que eu ensine os versículos e pregue coisas boas a outros e, não obstante, o meu próprio coração não beneficie disso. A minha oração é que o Senhor Jesus me mostre aonde é que Ele alimenta o Seu povo e me deixe alimentar-me com ele, de modo que eu possa conduzir-te aos pastos onde Ele está e possa eu mesmo estar ali, ao mesmo tempo que te trago a ti. A vós, professores da Escola Dominical, evangelistas e outros, queridos, amados colegas, por quem agradeço a Deus sempre, creio que o ponto principal pelo qual têm de velar é não perderem a vossa própria espiritualidade enquanto tratam de fazer espirituais a outros. Acudi ao Bem-Amado e pedi-Lhe que vos deixe alimentar o Seu rebanho onde Ele alimenta o Seu povo, e que permita que vos senteis aos pés dEle assim como Maria, inclusive como Marta, quando estejais trabalhando em casa. Não faças menos que isto, antes faz mais, mas pede que o faças em tal comunhão com Ele que o teu trabalho se mescle com o Seu, e que o que faças não seja mais que Ele trabalhando por meio de ti, e o teu regozijo seja derramar sobre outros o que Ele derramou sobre a tua própria alma.


Através da Bíblia num ano: Jb 5-8

 Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: