… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

domingo, 30 de outubro de 2016

30 de outubro

Oswald Chambers 
My Utmost for His Highest
30 de outubro  

“Ora, sem fé, é impossível agradar-lhe...” (Hb 11:6, ARC, Pt)

A fé, em oposição ativa, ao senso comum é entusiasmo no erro e tacanhez de espírito, e, o senso comum, em oposição à fé, demonstra uma confiança errada na razão como a base para a verdade. A vida da fé coloca ambas na relação adequada. O senso comum e a fé são tão diferentes entre si como a vida natural é da espiritual e, como a impulsividade é da inspiração. Nada do que Jesus Cristo alguma vez disse é do senso comum, mas é do sentido da revelação, e está completo, enquanto que o senso comum é insuficiente. Contudo, a fé tem de ser testada e experimentada antes que se torne real na tua vida. “Sabemos que todas as coisas contribuem juntamente, para o bem ...” (Rm 8:28, ARC, Pt), assim que não importa o que aconteça, o poder transformador da providência de Deus transforma em realidade a fé autêntica. A fé atua sempre de uma maneira pessoal, porque o propósito de Deus é providenciar que a fé genuína se torne real nos Seus filhos.

Para cada pormenor do senso comum na [nossa] vida, há uma verdade que Deus revelou, por intermédio da qual, nós podemos pôr à prova na nossa experiência prática o que julgamos que Deus seja. A fé é um princípio extremamente ativo que sempre põe Jesus Cristo em primeiro lugar. A vida da fé diz: “Senhor, Tu o disseste, parece ser absurdo, mas eu, vou sair, corajosamente, confiando na Tua palavra” (por exemplo, vê Mateus 6:33 ). Transformar a fé intelectual em nosso gozo pessoal é sempre uma luta, e não apenas às vezes. Deus coloca-nos nas circunstâncias exactas para educar a nossa fé, porque a natureza da fé é tornar o objeto da nossa fé muito real para nós. Até que conhecemos Jesus, Deus é apenas um conceito, e não podemos ter fé nEle. Mas logo que nós ouvimos Jesus dizer: “Quem Me vê a Mim vê o Pai” (Jo 14:9, ARC, Pt), nós, imediatamente, temos algo que é real, e a nossa fé é sem limites. A fé é a pessoa toda na correta relação com Deus, através do poder do Espírito de Jesus Cristo.
 
Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: