… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

27 de outubro

Aos Pés Do Mestre
(At the Master’s feet),
Compilado por Audie G. Lewis
das obras 
de
C. H. Spurgeon

27 de outubro – UMA SANTA FRAGRÂNCIA

E, graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo, e por meio de nós manifesta, em todo o lugar, o cheiro do seu conhecimento. Porque, para Deus, somos o bom cheiro de Cristo, nos que se salvam e nos que se perdem. Para estes, certamente, cheiro de morte para morte; mas, para aqueles, cheiro de vida para vida” (2Co 2:14-16, ARC, Pt)

O Senhor Jesus mantém uma comunhão íntima com aqueles que O conhecem e exerce uma poderosa influência sobre eles. Ele é bendito, e produz bênção. Para quem O ama, Jesus Cristo converte-Se em cheiro de vida que os leva para a vida. Para aqueles que são rebeldes e O desprezam uma e outra vez, converte-Se em cheiro de morte que os leva para a morte. Nosso Salvador, então, exerce uma influência sobre todos aqueles que entram em comunhão e intimidade com Ele. Se comparar a natureza humana com o barro, tenho de a comparar com o barro perfumado, que espalha o seu perfume por toda a parte. Não se pode escutar falar de Jesus sem receber ou rechaçar uma bênção. Repito, Ele converte-Se numa bênção para todos aqueles que O rodeiam ou, pelo contrário, se se repele essa bênção, ocasiona um sentimento de culpa naqueles que O rejeitam. Ele pode ser, ou a rocha sobre a qual fundamos a nossa esperança e a nossa fé, ou a pedra de tropeço que faz cair os que tropeçam na Sua Palavra, ao serem desobedientes.

A Bíblia, do princípio ao fim, num ano: Is 49-52



Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: