… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

7 de novembro

Oswald Chambers 
My Utmost for His Highest
7 de novembro A ENCOBERTA SACRALIDADE DAS CIRCUNSTÂNCIAS

“E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente, para o bem daqueles que amam a Deus…” (Rm 8:28, ARC, Pt)

As circunstâncias da vida de um santo são ordenadas por Deus. Na vida de um santo não existe tal coisa como o acaso. Deus pelas Sua providência introduz-te em circunstâncias que tu não podes compreender de modo algum, mas o Espírito de Deus compreende. Deus introduz-te em lugares, entre pessoas, e em certas condições para realizar em ti um propósito definido através da intercessão do Espírito Santo. Nunca te coloques perante as tuas circunstâncias e digas: “Aqui sou eu quem toma a minha previdência, vou vigiar isto com atenção, ou vou proteger-me daquilo.” Todas as tuas circunstâncias estão na mão de Deus, e, portanto, tu jamais deves pensar que elas são anormais ou invulgares. O teu dever na oração de intercessão não é para tu agonizares completamente enquanto intercedes, mas para tu aproveitares as circunstâncias quotidianas e as pessoas que Deus coloca em redor de ti pela Sua providência para as conduzires perante o Seu trono, e para dares ao Espírito que está em ti, a oportunidade de interceder por elas. Deste modo, Deus vai tocar o mundo inteiro por meio dos Seus santos.

Estou dificultando a obra do Espírito Santo por eu ser distraído e irresoluto, ou por tentar fazer o Seu trabalho por Ele? Eu tenho de fazer o lado humano da intercessão, utilizando-se as circunstâncias em que me encontro e as pessoas que me cercam. Devo manter a minha vida consciente, como um lugar sagrado para o Espírito Santo. Então, à medida que eu apresento as diferentes pessoas a Deus através da oração, o Espírito Santo intercede por elas.

A tuas intercessões nunca podem ser as minhas, e as minhas intercessões nunca podem ser as tuas, “... mas o mesmo Espírito intercede “em cada uma das nossas vidas (Rm 8:26). E sem essa intercessão, as vidas de outros ficariam entregues à pobreza e à ruína.




Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: