… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

21 de dezembro



Oswald Chambers

My Utmost for His Highest
21 de dezembro “A experiência ou a verdade revelada de Deus?”

“Nós… recebemos… o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus.” (1Co 2:12, ARC, Pt)

A minha experiência não é o que torna verdadeira a redenção— redenção é a realidade. A redenção não tem significado real para mim até que dê determinado resultado através de minha vida consciente. Quando eu nasci de novo, o Espírito de Deus leva-me além de mim e das minhas experiências, e identifica-me com Jesus Cristo. Se eu fico apenas com as minhas experiências pessoais, fico com algo não produzido pela redenção. Mas as experiências produzidas pela redenção provam-se a si mesmas levando-me além de mim mesmo, até ao ponto de já não presto atenção às experiências como a base da realidade. Em vez disso, vejo que apenas a realidade, ela mesma, produziu as experiências. As minhas experiências não valem nada, a menos que me mantenham na fonte da verdade: Jesus Cristo.

Se tu tentas conservar secreto o Espírito Santo dentro de ti, com o desejo que produza mais experiências espirituais íntimas, descobrirás que Ele vai quebrar as limitações e levar-te novamente para o Cristo histórico. Nunca apoies uma experiência que não tem Deus como a Sua fonte e a fé em Deus como o seu resultado. Se o fazes, a tua experiência é anticristã, não importa que visões ou revelações possas ter tido. Jesus Cristo é Senhor das tuas experiências, ou tu pões as tuas experiências acima dEle? É alguma experiência mais cara para ti do que o teu Senhor? Tu deves permitir que Ele seja o Senhor sobre ti, e não prestares atenção a nenhuma experiência sobre a qual Ele não é o Senhor. Em seguida, virá o tempo quando Deus te tornará descontente com a tua própria experiência, e poderás verdadeiramente dizer: “Eu não ligo para o que eu sinto— eu tenho confiança nEle!”

Sê implacável e duro contigo mesmo se tens o hábito de falar sobre as experiências que tens tido. A fé baseada na experiência não é a fé; a fé baseada na verdade revelada de Deus é a única fé que existe.


Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: