… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

domingo, 11 de dezembro de 2016

11 de dezembro

C. H. Spurgeon
Leituras Matutinas
11 de dezembro
“Fiel é o que vos chama, o qual também o fará.” (1Ts 5:24, ARC, Pt)

O CÉU é um lugar onde jamais pecaremos; um lugar onde deixaremos de vigiar constantemente contra o infatigável inimigo, pois ali não haverá tentador que ponha armadilhas aos nossos pés. Ali, o ímpio deixa de incomodar, e o fatigado descansa. O Céu é a “herança incorruptível”, é o reino de perfeita santidade e de completa segurança. Mas, os santos, mesmo na Terra, às vezes, não experimentam as alegrias da bem-aventurada segurança? A Palavra de Deus ensina que todos os que permanecem unidos ao Cordeiro estão seguros, que todos os rectos perseverarão nos seus caminhos, e que os que confiaram as suas almas aos cuidados de Cristo, achá-Lo-ão um fiel e imutável preservador. Sustentados por esta doutrina, até na Terra podemos gozar de segurança; não, por certo, daquela sublime e gloriosa segurança que nos liberta de cada escorregadela súbita, mas daquela santa segurança que nos vem da segura promessa de Jesus de que nenhum dos que crêem nEle jamais se perderá, mas estará com Ele onde Ele está. Crente, pensemos, frequentement,e na doutrina da perseverança dos santos, e glorifiquemos a fidelidade do nosso Deus, depositando nEle uma santa confiança.

Que o nosso Deus te faça sentir a segurança que há em Cristo Jesus! Que Ele te assegure de que o teu nome está esculpido nas Suas mãos e que te segrede ao teu ouvido esta promessa: “Não temas, porque Eu sou contigo.” Olha para Jesus, que é o grande Fiador do pacto, como fiel e verdadeiro, e que, portanto, está interessado e empenhado em te apresentar a ti, o mais débil da estirpe, na companhia de toda a estirpe escolhida, diante do trono de Deus. E ao estares em tão doce contemplação, beberás do deleitoso sumo das romãs do Senhor e provarás dos delicados frutos do Paraíso. Se tu podes crer, sem vacilares na fé, de que “Fiel é o que vos chama, o qual também o fará” gozarás, antecipadamente, dos prazeres que arrebatam as almas dos santos perfeitos no Céu.



Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: