… Mas o melhor de tudo é crer em Cristo! Luís Vaz de Camões (c. 1524 — 1580)

domingo, 11 de dezembro de 2016

11 de dezembro


C. H. Spurgeon

Livro de Cheques do Banco da Fé
11 de dezembro
“Confia no SENHOR e faze o bem; habitarás na terra, e verdadeiramente serás alimentado.” (Sl 37:3, ARC, Pt)
Confiar e fazer são palavras inseparáveis, conforme a ordem pela qual o Espírito Santo as pôs. Devíamos ter fé, e essa fé devia obrar. A fé em Deus faz-nos operar santamente: confiamos em Deus para o bem, e, então, fazemos o bem. Não estamos quietos porque confiamos, mas porque despertamos e esperamos que o Senhor obre através de nós e por nós. Não é a nossa condição desconfiar e fazer o mal, mas confiar e fazer o bem. Não confiamos sem fazer, nem fazemos sem confiar.

Os nossos adversários desarreigar-nos-iam se pudessem; porém, confiando e fazendo o bem, viveremos na terra! Não entraremos no Egipto, mas permaneceremos na terra de Emanuel, na providência de Deus, na Canaã do Pacto de amor. Os inimigos do Senhor não podem desfazer-se de nós tão facilmente como supõem. Não podem deitar-nos fora, nem destruir-nos: onde Deus nos tem dado um nome e um lugar, ali permaneceremos.

Mas, onde está a provisão para as nossas necessidades? O Senhor pôs nesta promessa a palavra «verdadeiramente». Tão certo como Deus é verdadeiro, assim o Seu povo será alimentado. A este pertence esperar e fazer o bem, e o Senhor fará conforme a sua fé. Se o Seu povo não for mantido pelos corvos, por um Obadias, ou por uma viúva, de qualquer modo, serão alimentados. Fora com os temores!


Tradução de Carlos António da Rocha

****

Esta tradução é de livre utilização, desde que a sua ortografia seja respeitada na íntegra porque já está traduzida no Português do Novo Acordo Ortográfico e que não seja nunca publicada nem utilizada para fins comerciais; seja utilizada exclusivamente para uso e desfruto pessoal.

Sem comentários: